Os cubos de mudanças e de dínamo sempre me fascinaram, e são uma das montagens e conversões que mais gosto de fazer. Nada com uma bicicleta com as mudanças certinhas e iluminação constante e sem preocupações com pilhas! 😉